São Bento Notícias - Notícias na hora da Região
Banner Nova
Banner Nova

Governo obriga aos postos de combustíveis a informar composição do preço de combustíveis

A composição do preço final dos combustíveis nos postos é um mistério para a maioria dos motoristas que abastecem seus veículos. E a insatisfação popular sobre essa questão, latente nos últimos dias, é clara.

 

Essa é, por exemplo, a reclamação do taxista Jorge Carlos. “Vai ter que ter a briga do presidente da República para ver se consegue abaixar o valor dos combustíveis, que está absurdo”, disse. O policial Rafael Correa diz que o impasse se alongou demais. “O problema do combustível já vem se arrastando há algum tempo. Enquanto o governo não segurar a variação cambial vamos sofrer na bomba de combustível.”

 

 

Pensando na insatisfação popular, o presidente Jair Bolsonaro assinou um decreto que obriga os postos de gasolina a informar a composição do valor cobrado por combustíveis na bomba. Segundo a Secretaria-Geral da Presidência, o objetivo é que os consumidores tenham “mais clareza dos elementos que resultam no preço final”.



Para receber as notícias da página São Bento Notícias pelo WhatsApp no seu celular clique aqui!

 

 

Em nota, o governo informou que a medida, publicada no diário oficial desta terça-feira, 23, “dará noção sobre o real motivo na variação de preço e obriga os postos a dispor informações sobre os descontos vinculados ao uso de aplicativos de fidelização”. Desde o início do ano, a gasolina aumentou quatro vezes e o diesel três, ficando 34,78% e 27,72% mais caros.